quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Download 7-Zip





7-Zip (sevenzip) é um compactador de arquivos open-source para o sistema operacional Microsoft Windows e Linux. O programa, desenvolvido por Igor Pavlov, é distribuído sobre a licença GNU LGPL, e compete diretamente com os programas de código-fechado WinZip e WinRAR. Atualmente o formato 7z, o principal formato de compactação do programa, é o que leva maior taxa de compactação, ganhando inclusive do formato RAR(exceto em arquivos multimídia). 
Este programa é completo e totalmente gratuito.

quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Como instalar e ativar o Rosetta Stone 4.1.15



Devido a não existir nenhum tutorial em língua portuguesa sobre a instalação do Rosetta Stone 4.1.15 e ao blog ser um dos únicos do Brasil a disponibilizar o Rosetta Stone 4.1.15, resolvi criar um tutorial para a instalação do programa. 
Obrigado a todos que comentaram e deixaram suas dicas para melhorar este tutorial.

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Curso de Economia Monetária USP - Introdução




Introdução à Economia Monetária - Moeda e Bancos

Primeira aula do Curso de Economia Monetária - Moeda e Bancos, na Faculdade de Economia e Administração da USP, o professor João Sayad propõe um passeio histórico sobre o pensamento econômico dos principais teóricos conservadores e progressistas. Ele ainda mostra como os economistas dessas duas categorias lutam para manter os seus paradigmas.

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Download e-book: Gestão de Pessoas - Idalberto Chiavenato


baixe livro gestão de pessoas chiavenato

O objetivo central deste livro é mostrar as novas características e o novo perfil da gestão de pessoas. Essa área tem sido a responsável pela excelência das organizações bem-sucedidas e pelo aporte de capital intelectual que simboliza, mais do que tudo, a importância do fator humano em plena Era da Informação.
Este é o livro completo, em PDF.


sábado, 7 de dezembro de 2013

As Cronicas de Gelo e Fogo - George R.R. Martin (5 volumes) - download torrent



As Crônicas de Gelo e Fogo é uma série de livros de fantasia épica escrita pelo romancista e roteirista norte-americano George R. R. Martin, e publicada pela editora Bantam Spectra. Martin começou a desenvolvê-la em 1991 e o primeiro volume foi lançado em 1996. Originalmente concebida para ser uma trilogia, a série consiste em cinco volumes publicados, com mais dois planejados. Martin também escreveu três contos derivados e algumas novelas que consistem de resumos dos livros principais.


Contém:

Constituição da República Federativa do Brasil - Atualizada 2013




Constituição brasileira atualizada em 2013.

Curso de Economia Monetária USP - O Regime de Metas de Inflação




O Regime de Metas de Inflação, partes 1 a 6

Nestas aulas do curso de Economia Monetária - Moeda e Bancos na FEA-USP, o professor João Sayad passa a tratar do último tema do curso: o Regime de Metas de Inflação. Trata-se de uma política monetária que tem por objetivo principal diminuir e manter a inflação em níveis baixos. O Brasil adotou este regime em 1999. Cabe ao Banco Central conduzir a política econômica de forma que seja cumprida a meta de inflação determinada pelo Conselho Monetário Nacional para os dois anos subsequentes. Para manter a meta sob controle, o Banco Central pode lançar mão de diversos instrumentos como a taxa de juros, a taxa de câmbio e o crescimento da base monetária.

Curso de Economia Monetária USP - A Crise de 2008 na Europa




A Crise de 2008 na Europa, partes 1 a 4

Nestas aulas do curso de Economia Monetária - Moeda e Bancos na FEA-USP, o professor João Sayad, começa a discutir as consequências da crise de 2008 na Europa. Para falar das características das economias dos países da Zona do Euro, o professor dá o exemplo de um Brasil imaginário, onde cada região tivesse moedas diferentes. A pergunta é: o que aconteceria na política monetária brasileira como um todo, se as moedas tivessem o mesmo valor inicial e fossem regidas por taxas de câmbio flutuantes?

Curso de Economia Monetária USP - Revisão




Revisão, partes 1 a 4

Nesta aula do curso de Economia Monetária - Moeda e Bancos, na FEA-USP, o professor João Sayad passa a rever todos os conteúdos apresentados no curso. A revisão começa com o Regime de Metas da Inflação, tema das últimas aulas. A teoria que justifica esta política adotada pelo Brasil em 1999 é a coordenação de expectativas racionais. O Banco Central utiliza todas as informações disponíveis sobre a atividade econômica para fixar uma meta para a inflação futura e assim determinar o nível geral de preços e salários.

Curso de Economia Monetária USP - A Crise de 2008




A Crise de 2008, partes 1 a 8

Nestas aulas do Curso de Economia Monetária - Moeda e Bancos na FEA-USP, o professor João Sayad começa a explicar as causas da crise de 2008, que ainda hoje tem reflexos nas economias de muitos países. Antes de entrar no assunto propriamente dito, o professor faz um relato da economia mundial pré anos 2000. As taxas de câmbio eram fixas, o dólar era a moeda central do sistema financeiro internacional, o FMI garantia a solvência dos créditos e o Banco Mundial tinha projetos de investimento em todo o planeta. Este era o mundo que saiu da guerra em 1945 e assim permaneceu até 1973, quando as taxas de câmbio deixaram de ser fixas e o dólar passou a flutuar.

Curso de Economia Monetária USP - A Crise de 1930




A Crise de 1930, partes 1 a 6

Nestas aulas do curso Economia Monetária - Moeda e Bancos na FEA-USP, o professor João Sayad discute as causas da Crise de 1930. Apesar da impressão de que foi um fenômeno americano, a Grande Depressão atingiu muitos países ao mesmo tempo. Em outubro de 1929, os preços da Bolsa de Nova York - que vinham subindo assustadoramente - despencaram de uma vez, causando o desastre financeiro de muitas economias. Segundo o professor Sayad, tem sentido, portanto, buscar as causas da crise de 30 nas instituições internacionais que ligavam os mercados financeiros da época. O professor discorre também sobre as semelhanças entre a Crise dos anos 30 e a recente crise de 2008.

Curso de Economia Monetária USP - A Indexação na Economia Brasileira





A Indexação na Economia Brasileira, partes 1 a 7


Nestas aulas do curso Economia Monetária - Moeda e Bancos na FEA-USP, o professor João Sayad aborda o tema da indexação na economia brasileira, que durou de 1965 - início do regime militar - a 1994, com a criação do Plano Real. A indexação é o processo através do qual o preço de um produto ou serviço é corrigido levando-se em conta a inflação passada. Isto faz com que esta correção seja "carregada" para a frente já que a elevação do preço vai pesar na inflação do período seguinte. Na época, o objetivo do governo era proteger a renda dos diversos agentes econômicos, como os proprietários de títulos públicos, da corrosão inflacionária.

Curso de Economia Monetária USP - Estruturalistas x Monetaristas




Estruturalistas x Monetaristas, partes 1, 2 e 3

Nestas aulas do curso Economia Monetária - Moeda e Bancos na FEA-USP, o professor João Sayd expõe os argumentos dos estruturalistas e dos monetaristas para explicar as causas da inflação que atingiu a maioria dos países do mundo entre o final da Segunda Guerra Mundial e os anos 80. Os monetaristas culpam os governos pelo descontrole na quantidade de moeda. Já os estruturalistas responsabilizam a subida dos preços agrícolas, as taxas de câmbio e o aumento do custo de vida no setor urbano. Para combater a inflação, os monetaristas recomendam cortes nos gastos públicos e controle da política monetária, enquanto os estruturalistas propõem reformas de base como a Reforma Agrária.

Veja as outras aulas 
Mais cursos na área de Economia

Curso de Economia Monetária USP - Não Existe Inflação de Custos




Não Existe Inflação de Custos, partes 1 e 2

Aula do curso Economia Monetária - Moeda e Bancos, na FEA-USP, com o professor João Sayad. Ele discute o artigo "Algumas Proposições Simples sobre Inflação de Custos", dos economistas norte-americanos Brainard e Lowell. Neste artigo, escrito nos anos 1970, período de inflação alta no mundo, os autores desmontam a tese de que o aumento dos custos de produção causa inflação.

Curso de Economia Monetária USP - Monetaristas Neoclássicos




Monetaristas e Neoclássicos, partes 1 a 16

Nestas aulas do curso Economia Monetária - Moeda e Bancos na FEA-USP, o professor Sayad expõe as teorias que mais influenciaram a economia no século XX: a Teoria Quantitativa da Moeda, reformulada por Milton Friedman, que rejeita qualquer regulamentação da economia, e o Keynesianismo, as ideias postuladas por John Maynard Keynes, que defende a intervenção do estado para conter o desequilíbrio da economia.

Curso de Economia Monetária USP - A Inflação Brasileira





A Inflação Brasileira, partes 1, 2 e 3

Nestas aulas do curso Economia Monetária - Moeda e Bancos na FEA-USP, o professor João Sayad traça a trajetória da inflação brasileira, que começou a ser medida em 1948 pela Fundação Getúlio Vargas. O professor analisou especialmente o período dos anos dourados do capitalismo, entre o final da Primeira Guerra e os anos 80, quando o Brasil, assim como outros países, viveu um período de prosperidade, apesar de fortemente afetado pela inflação.


Curso de Economia Monetária USP - Oferta de Moeda



Oferta de Moeda, partes 1, 2 e 3

Nesta aula do curso Economia Monetária - Moeda e Bancos na FEA-USP, o professor João Sayad, discorre sobre o funcionamento do Banco Central, mostrando como a instituição se liga ao governo e como atua na criação e multiplicação da moeda. Ele explica também como o dinheiro se multiplica a partir das ações econômicas dos bancos privados.

Curso de Economia Monetária USP - O que é Dinheiro?






O que é Dinheiro?, partes 1 a 5

Curso Economia Monetária - Moeda e Bancos, da FEA-USP. O professor João Sayad dedica estas aulas a explicar o que é dinheiro, não só do ponto de vista econômico, mas também na visão da sociologia, da arqueologia e da semiótica. Um dado curioso é que, segundo estudos arqueológicos, nas sociedades primitivas o hábito de pagar existia antes mesmo do hábito das trocas.

Curso de Economia Monetária USP - Inflação e Desemprego




Inflação e Desemprego, partes 1 a 4

Nestas aulas do curso Economia Monetária - Moeda e Bancos, na FEA-USP, o professor João Sayad analisa as relações entre Inflação e Desemprego desde o período entre 1945 a 1980, quando todas as economias do mundo passam por inflação, até os dias de hoje. Um dos temas foi a Curva de Phillips, teoria desenvolvida pelo neozelandês William Phillips, economista que dizia que as relações entre a inflação e a taxa de desemprego são inversamente proporcionais, ou seja, quando cresce a inflação, cai o índice de desemprego e vice-versa.

Curso de Economia Monetária USP - A Hiperinflação Alemã




A Hiperinflação Alemã, partes 1, 2 e 3

Nestas aulas do curso Economia Monetária - Moeda e Bancos, na FEA-USP, o professor João Sayad começa a discutir os Eventos Espetaculares da Economia. Um deles foi a Hiperinflação que atingiu a Alemanha e vários países do Leste Europeu depois da Primeira Guerra Mundial. Derrotada no conflito e obrigada a pagar pesadas indenizações aos vencedores, a Alemanha ainda enfrentava uma caótica situação interna por conta do déficit público. Para financiar-se, a Alemanha passou a imprimir papel moeda sem nenhuma contenção, causando a crise inflacionária que chegou ao auge em 1923.

Curso de Economia Monetária USP - João Sayad



Curso regular da Faculdade de Economia e Administração da USP, com o professor João Sayad, doutor em Economia pela Universidade de Yale, economista, ex-ministro do Planejamento e atual presidente da Fundação Padre Anchieta.

Assista as mesmas aulas que os alunos da USP assistiram:

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Invictus - Conquistando o inimigo - John Carlin - download e-book




Se você é como a maioria das pessoas, sabe que Nelson Mandela passou 27 anos preso e foi o líder da luta conta o apartheid na África do Sul. Sabe também que ele ganhou o Prêmio Nobel da Paz e chegou à presidência nas primeiras eleições livres de seu país. Mas não deve saber nada sobre a Copa do Mundo de Rúgbi de 1995. Em Invictus – Conquistando o inimigo, o jornalista John Carlin narra aquela que talvez seja a passagem política mais bem-sucedida de nossa geração. Parafraseando Garibaldi após a unificação da Itália, as eleições de 1994 tinham criado uma nova África do Sul, mas restava o desafio de criar os sul-africanos.

Os caminhos de Mandela - Richard Stengel - download e-book




Por mais de dois anos, em pleno período de reconstrução democrática da África do Sul, nos início dos anos 1990, o editor da revista Time Richard Stengel presenciou o dia-a-dia de Nelson Mandela. Na época, o líder político conduzia o país a suas primeiras eleições livres. As incontáveis horas de convívio resultaram num relacionamento de íntima amizade. E na descoberta, por Stengel, das múltiplas facetas do homem complexo que vive sob a capa de herói do nosso tempo.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...